Category Logística
EBA - Empresa Brasileira de Armazenamento, Redex e Operações Logísticas
EBA - Empresa Brasileira de Armazenamento, Redex e Operações Logísticas

Com design adaptável, capacidade de carga útil de 200 kg e alcance de 300 km, empresa ressaltou que o veículo proporcionará redução das emissões de carbono e de custos operacionais

Por Redação

Com design adaptável, capacidade de carga útil de 200 kg e alcance de 300 km, empresa ressaltou que o veículo proporcionará redução das emissões de carbono e de custos operacionais
Capacidade de carga útil de 200 kg e alcance de 300 km (Foto: Divulgação)

Em novembro, a Moya Aero realizou o primeiro voo com o Moya eVTOL (Veículo Elétrico de Pouso e Decolagem Vertical Eleródromo SDA4, nos arredores de São José dos Campos (SP). De acordo com a companhia, o protótipo do drone de carga classe 1 (acima de 150 kg) foi desenvolvido para potencializar a logística no setor de agricultura.

Com design adaptável, capacidade de carga útil de 200 kg e alcance de 300 km, a empresa ressaltou que o veículo proporcionará redução das emissões de carbono e de custos operacionais em comparação aos helicópteros tradicionais.

Sob o comando de Alexandre Zaramela, CEO da Moya Aero e projetista do eVTOL, a ação marca o início de uma fase de testes em voo que antecipa a entrada da soluão no mercado, prevista para 2026.

“Mesmo já tendo vivido outros primeiros voos ao longo da minha carreira, é sempre uma emoção ver o veículo voar como o planejado. Atualmente vivemos a saturação dos sistemas de logística e o Moya eVTOL chega com um potencial que une sustentabilidade e solução para diversos mercados”, declarou Zaramela.

EBA - Empresa Brasileira de Armazenamento, Redex e Operações Logísticas

Em comunicado, a companhia afirmou que a Moya Aero já garantiu cartas de intenção (LOIs) para a compra de mais de 100 unidades do eVTOL. Com o primeiro voo, a Moya Aero agora se prepara para uma série de testes durante a fase de certificação.

MERCADO EM FRANCA EXPANSÃO

Segundo relatório apresentado esse ano pela Technavio, estima-se que o mercado relacionado a entrega expressa no Brasil apresente uma CAGR (taxa de crescimento anual composto) de 4,61% entre 2022 e 2027, o que representa um aumento de US$ 1.635,85 milhões no total.

Essa ascensão depende de diversos fatores como o crescimento do mercado de e-commerce, a adoção de novas tecnologias nos serviços de entrega expressa e os FTAs (acordos de livre comércio) que estimulam o crescimento do mercado de entrega expressa no Brasil.

O financiamento para a construção do protótipo da Moya foi assegurado pela FINEP, órgão do governo brasileiro dedicado ao apoio à inovação e pesquisa. As expectativas para os próximos 10 anos são animadoras, com uma receita prevista em torno de US$ 2 bilhões — R$ 9,7 bilhões, em conversão direta — e projeção de vendas de cerca de 1 mil unidades até lá.

Fonte: Mundo Logística

EBA - Empresa Brasileira de Armazenamento, Redex e Operações Logísticas
EBA - Empresa Brasileira de Armazenamento, Redex e Operações Logísticas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *